Notícias do mercado de Outsourcing de Impressão

Nota fiscal eletrônica pode fazer setor de TI crescer 90%

Reder Faustino">Reder Faustino

O cronograma de implantação da nota fiscal eletrônica (NF-e) deve se encerrar este ano, e empresas do setor contábil e de tecnologia se preparam para a demanda de aproximadamente 120 mil empresas que recolhem ICMS e IPI em todo o País. Para a Acesso Digital, empresa que trabalha com a digitalização de documentos, a demanda deve representar um aumento de 90% em sua base de clientes do setor contábil, que movimenta anualmente, cerca de R$ 2,5 bilhões no País – números de 2008.

“A determinação do governo ajudou muito a consolidação do mercado”, avalia Diego Torres Martins, sócio diretor da Acesso Digital. A empresa, que fornece serviço personalizado aos diversos segmentos que atua, atende a 300 clientes. Destes, 200 são escritórios de contabilidade.

Confiantes de que a digitalização dos escritórios será a tônica do mercado de contabilidade em 2010, Martins espera garantir 180 novos clientes neste ano. Os investimentos previstos estão acima dos R$ 350 mil em marketing e infraestrutura. “Vamos focar também na ampliação da nossa solução de armazenamento eletrônico a esses clientes”, explica o executivo.

Segundo Martins, a empresa mantém cerca de 15 Terabytes (o equivalente a 10,5 mil CDs) em informações armazenadas de clientes. Ele explica que o processo não se limita a digitalizar as notas fiscais, mas também criar uma espécie de rótulo digital, que permite uma busca rápida do documento, além de uma organização mais efetiva. “Nosso sistema permite a digitalização de 40 imagens por minuto”, afirma Martins.

A movimentação das empresas para atender às exigências do fisco tem gerado também demandas para um mercado de suporte e serviços que compreendem outras partes da cadeia. Mercado para empresas como a brasileira Benner Sistemas, que atua no mercado há 11 anos e já desenvolveu cerca de 3,5 mil projetos em segmentos como turismo e sistemas de saúde.

A empresa fechou recentemente uma parceria com a NDDigital S.A., que fornece softwares de impressão e deve investir em projetos integrando a emissão de notas fiscais eletrônicas à ferramentas de gestão empresarial.

“Esta solução auxilia no cumprimento das exigências tributárias neste momento estratégico para as empresas, onde além de adaptações tecnológicas será necessário rever, e em muitos casos redesenhar, seus atuais processos tributários”, explica Edélcio Sambrano, gestor da unidade de negócios e serviços da Benner.

Fonte: Portal DCI :: http://www.dci.com.br/

0 Comments

Leave a Comment